domingo, 24 de maio de 2009

Aula 1: Escola Municipal Professor Leôncio do Carmo Chaves

Olá, meninos e meninas!

Desde que comecei a dar aulas para vocês, nós estudamos as cores: frias, quentes e neutras. Vocês já estudaram com o professor Aroldo sobre as cores complementares. Pois, hoje vocês irão estudar um pouquinho sobre Sensações Visuais Acromáticas e Cromáticas, Escalas Monocromáticas e Policromáticas.


Sensações Visuais Acromáticas e Cromáticas



As sensações visuais acromáticas são as que têm apenas a dimensão da luminosidade, elas podem ser demonstradas quando construimos uma escala com todas as tonalidades entre o branco e o preto, isto é, o cinza-claro, o cinza e o cinza-escuro, esta escala é chamada de acromática (escala de cinza) (FARINA, 1990, p. 79).







Por que o branco e o preto não são cores?


De acordo com Farina (1990) o branco e o preto não existem no espectro solar. O branco é, pois, a síntese aditiva de todas as cores, ou seja, a mistura de todas as cores, e o preto, o resultado da síntese substrativa, isto é, a superposição de pigmentos coloridos, ou seja, se misturarmos pigmentos de todas as cores a cor que se forma é o preto.

As sensações visuais cromáticas compreendem todas as cores do espectro solar . Elas são experiências visuais (idem, p. 80).

Para lembrar, pensou em preto, branco e tons de cinza, lembre-se de acromatismo. Lembrou de cores, pensou em cromatismo.

Assim como é possível fazermos um escala de cinza ou mescla acromática como a imagem acima, nós podemos fazer também escalas cromáticas.

Estas escalas cromáticas podem monocromas ou policromas.

Escalas monocromáticas referem-se a gradação de uma só cor, assim como na imagem ao lado.
Podemos conseguir escalas monocromáticas através da variação da luminosidade, da saturação e do valor. Uma escala monocromática também poder ser realizada, também misturando-se um tom com outra cor.


Quando partimos do branco e lentamente vamos acrescentando uma cor podemos chegar até a saturação desta cor. Esta escala é chamada de escala de saturação ou escala do branco.
Quando partimos da própria cor e vamos acrescentar um certa quantidade de preto, criamos uma escala de luminosidade.


Escalas policromáticas apresentam a variação de várias cores como no arco-íris.







Dá só para ter uma pequena idéia de como criar muitas variações cromáticas como estas escalas ao lado.








Caso vocês queiram sabem um pouquinho mais sobre este assunto, sigam o link
http://www.eduthome.pro.br/Cores.htm
pois lá já tem bastante conteúdo e muito bem explicado.

Referências:

FARINA, Modesto. Psicodinânica das Cores em Comunicação. São Paulo: E. Blücher, 4ª edição. 1990. p. 74-88.

Harmonia das cores. Apresentação disponível http://www.slideshare.net/piraua/linguagem-das-cores-aula-6. Acesso em 24 de maio de 2009.

Shade and Brightness / Tono y Luminosidad. Disponível em http://www.flickr.com/photos/ernestolago/3093078353/sizes/m/in/set-72157614353473818/. Acesso em 24 de maio de 2009.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário